Recorde de 98 mil órfãos pela Covid-19 no Peru




A Covid-19 deixou um recorde de 98 mil crianças órfãs de mãe, pai ou de cuidadores no Peru, conforme avançou o governo peruano, nesta quinta-feira.


"Ostentamos o triste recorde de sermos o país com o maior número de crianças que perderam um pai ou uma mãe", confirmou a ministra da Mulher, Anahí Durand, com base em números divulgados pela revista The Lancet.

A responsável avançou ainda que ministério atribui uma pensão de 200 soles (cerca de 250 reais) a cada dois meses, destinada a mais de 18 mil famílias. Ainda assim, Durand considera ser necessário aumentar o alcance do apoio.

Nesse sentido, a AFP adianta que o governo pretende estender a pensão a um total de 83.664 crianças e adolescentes órfãos, bem como oferecer apoio psicológico e educacional.

"Muitas famílias nos procuram e querem ter acesso à pensão, mas não têm a certidão de óbito por Covid-19. Na primeira e na segunda ondas, as pessoas morreram em casa. Não tiveram condições de tirar esse certificado, o que está deixando muitas crianças de fora", esclareceu.

A pensão, anunciada a 28 de julho de 2020, é entregue a quem estiver a cargo do menor.

Segundo um balanço da AFP, o país tem a maior taxa de mortalidade por Covid-19 do mundo, com 6.122 óbitos por milhão de habitantes.

Desde o início da pandemia que o Peru soma 2.329.717 casos e 202.934 mortes associadas à Covid-19.
Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!