-->

Notícias

11 dezembro 2021

Ex-prefeitos oportunistas e afastados por corrupção usam as fortes chuvas para tentarem se aproximar da população em Porto Seguro

Ex-prefeitos oportunistas e afastados por corrupção usam as fortes chuvas para tentarem se aproximar da população em Porto Seguro




Num oportunismo sem precedentes na história de Porto Seguro, os ex-prefeitos Ubaldino Jr, e Cláudia Oliveira se valem das mídias sociais para, de forma demagógica e esbanjando hipocrisia, postarem vídeos e mensagens populistas nas redes sociais, isentando a natureza e condenando o prefeito Jânio Natal pelas fortes chuvas que acometeu todo o sul e extremo sul baiano.

Um verdadeiro escárnio, compatível com seus autores e encenado pelos atores perfeitos para o espetáculo da comédia.

Ambos afastados pelo Ministério Público Federal, após longas e precisas investigações da Polícia Federal, que revelaram as maracutaias e desvios escandalosos de dinheiro público que, atualizados, representam cerca de 500 milhões de reais, prestariam um melhor serviço à população de Porto Seguro se, voluntariamente, devolvessem aos cofres públicos a grana desviada.

Ao invés disso, planejaram numa aliança marota, espúria, prontamente rejeitada no voto pela população atenta e desconfiada, para retornarem ao poder; consolidarem a “fraternidade”; manter as “cirandas das propinas” para dar seqüência às ilicitudes e improbidades de suas trágicas administrações.

Tivesse sido a fortuna desviada por esses gestores despreparados, desumanos e gananciosos, em ações de infraestrutura como, contenção de encostas, pavimentação de qualidade, drenagem de ruas e outras obrigações de uma administração municipal honesta e comprometida, seus apelos midiáticos seriam desnecessários.

Aqueles que, verdadeiramente estiverem preocupados com a delicada situação dos mais vulneráveis do nosso município, certamente, não compartilham com esse oportunismo descarado desses algozes do povo.

Como confiar uma doação e acreditar na sinceridade e boa intenção daqueles que desviaram milhões da população trabalhadora e suado contribuinte.

A tentativa de usar uma catástrofe para se estabelecer politicamente, não passará. A sociedade portossegurense já se manifestou nas urnas, de forma categórica e soberana, estar ciente sobre quem são os malfeitores e responsáveis pelos prejuízos sociais e materiais do momento.

Do resto, a grana desviada e as improbidades praticadas, o MPF e a PF dão conta.

Responsabilidade: Imagens, artigos ou vídeos que existem na web às vezes vêm de várias fontes de outras mídias. Os direitos autorais são de propriedade total da fonte. Se houver um problema com este assunto, você pode entrar em contato