CPI da Pandemia vai incluir fala de Bolsonaro que relaciona vacina ao HIV em inquérito



O senador Randolfe Rodrigues (Rede) disse, nesta segunda-feira (25), que a fala do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que relacionou a vacina contra a Covid-19 ao HIV será incluída no relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia.



"Informo que incluiremos, no relatório da CPI, a fala mentirosa e absurda de Bolsonaro associando a vacina contra a COVID-19 à AIDS", indicou o senador em sua conta no Twitter, afirmando também que a comissão vai pedir ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que o chefe do Executivo seja investigado pela mesma fala no âmbito do inquérito das Fake News.



Os senadores que compõem a cúpula da CPI também pedirão para que as empresas que administram redes sociais suspendam as contas de Bolsonaro. "Recomendaremos às plataformas de redes sociais a suspensão e/ou o banimento do Presidente", escreveu Randolfe no Twitter nesta segunda-feira (25).



Tanto o Facebook quanto o Instagram excluíram o vídeo da live em que o presidente fez a correlação (relembre aqui). O conteúdo foi classificado como uma infração às políticas da empresa com relação a vacina da Covid-19. "Nossas políticas não permitem alegações de que as vacinas de Covid-19 matam ou podem causar danos graves às pessoas", afirmou a empresa de Zuckemberg.



A comunidade científica também rechaçou a posição de Bolsonaro. Médicos disseram que a associação entre o imunizante contra o coronavírus e a transmissão do HIV, o vírus da Aids, é falsa e inexistente.

Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!