Colin Powell, ex-secretário de Estado dos EUA, morre de Covid




247 - Collin Powell, 84, primeiro negro a ocupar o posto de secretário de estado dos EUA, morreu nesta segunda-feira (18), vítima de complicações da Covid-19.

De acordo com informações da CNN Internacional, o anúncio da morte de Powell foi feito pela família através do Facebook.

"O general Colin L. Powell, ex-secretário de Estado dos EUA e presidente da Junta de Chefes de Estado-Maior, faleceu nesta manhã devido a complicações da Covid 19". O texto diz que o general tinha sido vacinado.




Collin Powell foi um dos responsáveis por moldar a política externa americana nos últimos anos do século 20 até o início do século 21.

Powell foi um soldado profissional distinto e pioneiro, cuja carreira o levou do serviço de combate no Vietnã para se tornar o primeiro assessor de segurança nacional negro durante o final da presidência de Ronald Reagan e o mais jovem e primeiro presidente afro-americano do Joint Chiefs of Staff do presidente George H.W.Bush
PUBLICIDADE


Sua popularidade nacional disparou após a vitória da coalizão liderada pelos Estados Unidos durante a Guerra do Golfo e, por um tempo, em meados dos anos 90, ele foi considerado um dos principais candidatos a se tornar o primeiro Presidente Negro dos Estados Unidos.

A reputação de Powell foi abalada quando, como primeiro secretário de Estado de George W. Bush, ele jogou informações falsas às Nações Unidas para justificar a Guerra do Iraque, que mais tarde ele chamaria de uma "mancha" em seu histórico.
Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!