Medo do coronavírus volta a crescer nos EUA, e aprovação a gestão de Biden na pandemia cai




O avanço da variante delta nos Estados Unidos aumentou o medo da população em contrair o coronavírus e ajudou a derrubar a popularidade do presidente Joe Biden, mostra pesquisa feita pelo jornal Washington Post em parceria com a emissora ABC News.



Segundo a pesquisa divulgada neste domingo (5), 47% dos americanos descrevem o risco de contrair a Covid-19 como sendo moderado ou alto, um aumento de 18 pontos em relação a uma pesquisa realizada no final de junho. Entre adultos que receberam pelo menos uma dose da vacina contra o coronavírus, o número de pessoas com medo de se infectar subiu de 32% para 52% no período. Também houve aumento no número de adultos não vacinados que dizem ter medo de contrair a doença: subiu de 22% para 35%.


O número de entrevistados que dizem aprovar a condução da pandemia por Biden caiu para 52%, dez pontos abaixo dos 62% registrados em junho. A aprovação geral do governo do democrata também diminuiu no período, de 50% para 44%. Além do recrudescimento da pandemia nos EUA, contribuiu para a queda na popularidade de Biden a avaliação negativa da forma como foi feita a retirada das tropas americanas do Afeganistão, concluída na última segunda (30).


A pesquisa foi feita por telefone entre os dias 29 de agosto e 1º de setembro, com 1.006 participantes. A margem de erro é de 3,5 pontos.
Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!