Indústria da maconha possui mais trabalhadores que dentistas e médicos nos EUA




Um estudo realizado nos Estados Unidos pela Leafly Jobs Report em parceria com a Whitney Economics revelou que o número de trabalhadores empregados na indústria da maconha chega a 321 mil pessoas. Isso significa que o número total de profissionais que trabalham com cannabis supera o número de dentistas, paramédicos ou engenheiros elétricos no país.

Segundo a pesquisa, o setor manteve seu crescimento na pandemia e acabou absorvendo trabalhadores dispensados do varejo e de restaurantes no período de restrições para o enfrentamento da covid-19.

Em 2020, a indústria da maconha agregou quase 80 mil novos trabalhadores. Além disso, o setor cresceu 32% em relação a 2019. As vendas de maconha legalizada cresceram quase 60%, para US $ 19 bilhões no ano passado.

Dos 50 estados americanos, 16 legalizaram o uso recreativo da cannabis. Em todos eles o uso medicinal da maconha é legalizado. Considerando apenas o uso medicinal, 20 dos 50 estados têm leis que permitem o uso.
Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!