Em 12 anos, Bahia registra mais de 6,6 mil casos de suicídios e 12,4 mil de autolesão




Entre os anos de 2009 e 2021, a Bahia registrou mais de 6,6 mil casos de suicídios e 12,4 mil casos de lesão autoprovocada (autoagressões e tentativas de suicido). Os dados foram notificados no Sistema de Informação de Agravo de Notificações (Sinan) e no Sistema de Informação de Mortalidade (SIM). Os dados foram divulgados pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) em alusão ao Setembro Amarelo.



A Superintendência de Vigilância e Proteção da Saúde e a Diretoria de Vigilância Epidemiológica, através da Coordenação de Doenças e Agravos não Transmissíveis, elaborou e divulgou o painel sobre lesão autoprovocada e suicídios, enviado aos Núcleos e Bases Regionais de Saúde. Em alusão ao mês de “Prevenção ao Suicídio e Valorização da Vida”, a iniciativa tem o objetivo de subsidiar a realização de atividades de mobilização junto aos municípios das suas áreas de abrangência.



O Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio, com a proposta de associar a cor ao mês que marca o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio (10 de setembro).



O suicídio é o resultado de uma convergência de fatores de risco genéticos, psicológicos, sociais e culturais e outros, às vezes combinados com experiências de trauma e perda. Pessoas que tiram a própria vida representam um grupo heterogêneo, com influências causais únicas, complexas e multifacetadas que precedem seu ato final.



Todos os anos, o suicídio aparece entre as 20 principais causas de morte em todo o mundo para pessoas de todas as idades. É responsável por mais de 800.000 mortes, o que equivale a um suicídio a cada 40 segundos.
Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!