Senador diz que vai pedir a CPI da Covid para notificar Azul por deixar Bolsonaro entrar em avião




O senador Humberto Costa (PT-PE) disse que vai pedir à CPI da Covid que notifique a Azul por ter permitido a entrada do presidente Jair Bolsonaro em um avião com passageiros embarcados na última sexta-feira (11). Bolsonaro entrou na aeronave de surpresa que estava parada no aeroporto de Vitória (ES). Na ocasão ele foi vaiado por alguns passageiros e apoiado por outros.

O presidente chegou a tirar a máscara para falar e posar para fotos, o que viola uma série de regras divulgadas pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) e pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Houve também aglomeração no momento.

"Vou apresentar um requerimento para que a CPI se dirija tanto à Anac, que é quem edita as regras, quanto à própria Azul, para questionar por que isso ocorreu. A resolução da Anac é clara. Em todas as áreas do aeroporto, inclusive aeronaves, é obrigatório o uso da máscara. Foi grave porque entrou cidadão sem máscara, na tripulação, uma pessoa sem máscara, o próprio presidente tirou a máscara para agredir pessoas. É um descumprimento. Ele não está acima de ninguém para desrespeitar legislação e normas", disse Costa.

No mês de março a Anac divulgou diversas regras para orientar sobre o uso de máscaras para passageiros e trabalhadores em aeroportos e voos.
Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!