Unicef fecha acordo para compra de 220 milhões de doses da Sputnik V




O Fundo de Investimento Direto Russo (RDIF, na sigla em inglês) e o Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) assinaram um acordo para compra de 220 milhões de doses da vacina russa Sputnik V. O anuncio ocorreu nesta quinta-feira (27) com quantidade suficiente para imunizar 110 milhões de pessoas, já que são necessárias duas doses.



O acordo busca expandir o acesso às vacinas ao redor do mundo. Mas a vacina só poderá ser distribuída pelo Unicef após ser aprovada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para inclusão na lista de produtos autorizados para uso de emergência pela entidade.



O RDIF submeteu o pedido de registro e pré-qualificação da Sputnik V à OMS em outubro de 2020 e afirma que espera uma decisão “em breve”, de acordo com a revista Veja.



Segundo o RDIF, também está em andamento uma negociação com a Aliança Global para Vacinas e Imunização (Gavi, na sigla em inglês) para discutir a possibilidade de incluir a vacina russa no portfólio Covax Facility.



No Brasil, nem uso e a importação foram autorizados pela Anvisa. Atualmente, a agência avalia o pedido de importação da Sputnik V realizado pelo Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central, além do segundo pedido feito pelos estados da Bahia, Maranhão, Ceará, Sergipe e Pernambuco
Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!