'Quero a orelhuda': Guto Ferreira diz que Ceará precisa construir o jogo contra o Bahia




O Ceará vem uma longa sequência sem derrotas e, especificamente na Copa do Nordeste, venceu as seis últimas partidas sem tomar gols. Para o técnico Guto Ferreira, as boas atuações passadas só serão válidas se o grupo manter o ritmo na final contra o Bahia neste sábado (8) e conseguir vencer o campeonato regional.





“A gente não pode se apegar ao que passou, nós temos que construir, o que está para ser construído, que são esses 90 minutos. Lógico que esse momento nos traz um nível de confiança alto, mas tudo que é demais, faz mal. Então, temos que estar com o nosso nível de confiança no ponto certo”, declarou o técnico do Vozão em entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira (7).



“Quanto a estatística e todos os resultados, não vale nada se a gente não fizer isso nos 90 minutos. Com todo respeito ao Esporte Clube Bahia, nós temos que fazer mais 90 minutos melhor que nós fizemos no primeiro para poder alcançar nosso êxito e nosso objetivo, que é ganhar mais uma vez a Copa do Nordeste”, destacou.



O comandante ainda falou sobre a atuação do Bahia, comentando o desempenho do adversário na última semana como um alerta para o seu elenco.



“Eles também vivem um bom momento, é uma equipe competitiva, é uma equipe que teve um poder de reação na terça-feira pela Copa Sul-Americana muito grande dentro de casa. Tem o seu valor”, comentou Guto Ferreira.



Sobre a preparação, o técnico do Ceará disse que não acredita que a final tenha espaço para grandes mudanças, para que isso não cause desestabilidade no grupo.



“É mais uma situação ou outra, muito detalhezinho. Você fazer uma mudança grande corre o risco de não conseguir o êxito porque o grupo não está acostumado com aquela situação e todas as abordagens que as equipes já fizeram no decorrer, de alguma maneira, nós já estudamos”, pontuou. Segundo ele, "a coesão do grupo, a irmandade de trabalhar sempre em equipe, de buscar sempre o melhor, se preparar muito”, são os principais fatores para o Ceará garantir um bom resultado como vem fazendo.



Sobre seu papel dentro do Ceará, considerado um dos melhores como técnico na região Nordeste e no Brasil, Guto Ferreira dividiu o mérito com a atuação dos atletas perante o seu trabalho.



“Eu acho que a gente vive um grande momento, mas a gente tem esse momento porque a equipe está num grande momento. Na realidade, o nosso trabalho vai até um certo ponto e o trabalho com os comandandos é que acaba transferindo o mérito para você", admitiu.



Por fim, ele comentou ainda sobre a importância do título para um treinador, não só por vencer a competição, mas para garantir a sequência de contrato. Caso vença o Bahia, Guto pode se tornar o comandante com mais títulos na Copa do Nordeste, sendo bicampeão com o Ceará. Na carreira, ele já venceu o campeonato também quando comandava o Bahia, agora adversário durante a busca do terceiro título.



"Infelizmente o treinador ele depende de estar vencendo sempre para estar em alta, então essa busca incessante de resultados. Essa [final] que está por vir, será pelo menos um título em 2021. Então, a importância é essa (...) A nossa carreira depende de tudo isso", comentou.



"Queira ou não queria, são competições de peso que você vai vencendo e conseguindo engrossar o currículo”, completou o treinador e brincou “Eu quero mesmo é a ‘orelhuda’”.



Com vantagem de ter vencido o jogo de ida por 1 a 0, o Ceará recebe o Bahia na Arena Castelão, às 16h.
Compartilhe no Google Plus

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!