Juazeiro: Jornalista morre vítima de complicações da Covid-19




O jornalista Jean Rego, de 47 anos, veio a óbito na noite desta quinta-feira (20) em Juazeiro, no Sertão do São Francisco. Rego estava internado no Hospital HGU, em Petrolina, cidade vizinha a Juazeiro. Conforme o Blog Ramos Filho, familiares do comunicador informaram que ele estava intubado desde a tarde da última terça-feira (18).



Rego tinha obesidade e hipertensão arterial, enfermidades que se agravam com a Covid-19. Com passagens pelas rádios Cidade AM [extinta Independência AM], Rural AM [atual Rural FM], o jornalista se destacou na Juazeiro AM Estéreo 1190 KHz. Na emissora, ele trabalhava há cerca de 20 anos. Atualmente, apresentava os programas Alvorada Nordestina, Giro Policial e Forró da RJ. O velório deve ocorrer nesta sexta-feira (21).



Em nota, o sindicato dos jornalistas [Sinjorba] lamentou o falecimento de Jean Rego. A entidade também se manifestou sobre o impasse criado após decisão de incluir os jornalista entre os grupos prioritários para vacinação contra a Covid-19.



“Enquanto os jornalistas e radialistas da Bahia aguardam o início da vacinação dos profissionais que informam a população em meio à maior crise sanitária da história, um colega morre por dia no Brasil. Hoje foi a vez de nos despedirmos de Jean Rego, 47 anos, que estava internado lutando contra a Covid-19, e não resistiu. Ele deixa mulher e filho, além de muitos amigos que admiravam sua competência e criatividade na Rádio Juazeiro, seu segundo lar”, diz trecho da nota da entidade.
Compartilhe no Google Plus

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!