Barreiras tem 26 mortes por Covid em 7 dias; taxa de UTI não é menor de 70% desde março

 





Com decreto que restringe o funcionamento das atividades essenciais a partir desta segunda-feira (17), o município de Barreiras, no Extremo Oeste, vive uma escalada de mortes e transmissão decorrentes do novo coronavírus. Só nesse mês, foram 40 óbitos, 26 deles entre o dia 9 de maio e este domingo (16). Ao todo, Barreiras já acumula 216 perdas para a doença ao longo da pandemia, com a primeira morte registrada em 13 de junho do ano passado.



Em relação ao número de casos confirmados, houve alta de 24,7% no período de um mês. Em 16 de abril, a cidade anotava 11.322 registros positivos de Covid-19. Já neste domingo, o número era de 14.120. Outro dado que preocupa é a taxa de ocupação de leitos de UTI.



A última vez que a média ficou em menos de 70% foi no dia 5 de março – o boletim apontava taxa de 65%. Seis dias depois, em 11 de março foi a última vez que a média de ocupação de UTI ficou no limite de 80%.



Segundo informações do sistema de acompanhamento de leitos da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), até as 10h30 desta segunda, a média de ocupação de UTI na cidade era 96%. A dos leitos clínicos ficava em 81%.
Compartilhe no Google Plus

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!