Assassinato de sobrinha da prefeita de Cachoeira não tem relação com ameaças de morte feitas à gestora




O assassinato da sobrinha da prefeita de Cachoeira, Eliana Gonzaga, que aconteceu na madrugada desta terça-feira (4), não tem relação com as ameaças de morte que a gestora vem sofrendo desde que foi eleita em 2020. De acordo com a SSP-BA, o crime foi motivado por vingança em razão do envolvimento dela com Manoel Nascimento de Santana, “Litinho”, de 59 anos, pai de um foragido da polícia e acusado de tráfico de drogas, Mailson.

Segundo fontes do BNews, Elisângela, sobrinha da prefeita, seria namorada de Manoel "Litinho", pai do criminoso Mailson. Pai e filho estavam jurados de morte porque teriam delatado esquema criminoso na região, que culminou nas prisões de traficantes. O crime tem características de vingança e intimidação à família de Mailson.

Procurada pela reportagem, à Polícia Civil (PC) não confirmou a morte de Elisângela. A assessoria limitou-se a informar que teria um registro de duplo homicídio, ocorrido na região, que vitimou duas pessoas, sendo uma delas Manoel Nascimento de Santana (Litinho), e a outra estaria sem identificação formal.

Conforme a nota da PC, uma equipe da 1ª DT/Santo Amaro esteve no local e expediu as guias periciais. Os corpos estavam dentro de uma residência, com marcas de tiros. A autoria e a motivação do crime serão investigadas.

Entretanto, a SSP-BA e assessoria de comunicação de Eliana Gonzaga anteciparam que o crime não tem ligação com as ameaças sofridas pela prefeita.
Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!