Assim como em filme ganhador do Oscar, Bahia também tem 'cidade-fantasma'




Assim como no filme Nomadland, ganhador do Oscar 2021 (veja aqui), que se passa em uma cidade-fantasma após o fechamento de uma fábrica, a Bahia também tem um município que ficou esquecido no tempo após o ciclo do diamante. A cidade de Igatu, hoje distrito de Andaraí, na Chapada Diamantina, viveu muitas riquezas durante o século XIX. Hoje em dia, restam poucos moradores e muitas ruínas do passado.



Conforme publicou o Portal G1, a cidade considerada a "Machu Picchu baiana", por suas ruínas lembrarem a cidade perdida dos Incas no Peru, chegou a ter uma grande população que usufruía de cassinos, bares e aproveitava de muitas festas financiadas pela riqueza do diamante.



Atualmente, de acordo com o último senso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o distrito registra apenas 360 habitantes.
Compartilhe no Google Plus

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!