Vampeta diz que enterrou camisa da Copa de 2002: 'Brasil só ganha depois que eu morrer'




De acordo com Vampeta, o Brasil não será hexa campeão na Copa do Mundo não tão cedo. Em resenha para o programa BN na Bola, da rádio Salvador FM 92.3, apresentado por Emídio Pinto, Glauber Guerra e Ulisses Gama, o ex-jogador contou diversas histórias da sua carreira, inclusive sua superstição sobre o próximo título da seleção brasileira. Na entrevista, o Velho Vamp também falou sobre o futebol baiano e opinou sobre quem ele considera o maior nome entre os atletas que passaram pelos clubes do estado.



Questionado sobre a possibilidade de algum jogador superar a cena clássica das cambalhotas dadas por ele no Palácio do Planalto após conquistar o penta com o Brasil 18 anos atrás, o ex-volante e comentarista fez uma declaração curiosa que vai impedir que algum atleta da seleção supere seu feito.





“Depois de Salvador e Cachoeira, a terra da macumba é Nazaré. Eu já enterrei a camisa de 2002 e o Brasil só ganha a Copa depois que eu morrer”, brincou Vampeta na entrevista



Ele completou a história, dizendo que diversos atletas que já foram campeões da Copa do Mundo com a camisa canarinha também não esperam que suas marcas históricas sejam esquecidas.



Segundo Vampeta, após vencer em 2002, ele perguntou para atletas como Cafu, Edmilson e Denilson se eles torceriam para jogadores como Daniel Alves e Thiago Silva levantarem a taça do hexa e todos disseram que seriam contra ter seus títulos superados.



“Perguntei pro Muller e para o Viola quando foram campeões em 94 se eles estavam torcendo para 2002 e ninguém estava torcendo, a não ser o Cafu”, completou Vampeta.



Além do Vitória, o ídolo do futebol nacional passou pelo Fluminense, Flamengo, Corinthians, Brasiliense, Goiás, Juventus-SP, Nacional-SP e Grêmio Osasco, tendo encerrado a carreira neste último. Internacionalmente, ele jogou pelo PSV e pelo VVV-Venlo, da Holanda, pelo Inter de Milão, da Itália, no PSG, da França e no Kuwait SC, do Kuwait.



Por fim, o Velho Vamp ainda falou sobre a atual situação do futebol estadual no país, elogiando o fato da Bahia vencer a competição, explicando que a continuidade da modalidade esportiva no Brasil não provoca riscos de aglomeração da população enquanto os estabelecimentos estiverem fechados.



“O estado está bem representado. Gostei da atitude do governador da Bahia de manter o futebol com os protocolos sendo seguidos. Em São Paulo o futebol parou porque fala que o futebol faz aglomeração, mas os bares estão fechados e você não pode impedir ninguém de se juntar na sua casa para ver uma partida de futebol”, pontuou. “Se não for o Paulista, o cara vai ver o Campeonato Inglês, Campeonato Italiano, Campeonato Alemão, Eliminatórias da Copa do Mundo…”, finalizou Vampeta.
Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!