Vitória empata com Chapecoense e fecha rodada na zona de rebaixamento




O Vitória empatou com a Chapecoense em 0 a 0 na tarde deste domingo (17), no Barradão. Com esse resultado, o Leão encerra a 35ª rodada da Série B na zona de rebaixamento ocupando a 17ª colocação com 39 pontos, mesma pontuação do Náutico, que é o 16º. Porém, o time pernambucano leva vantagem por ter um triunfo a mais, 9 a 8. A Chape é a vice-líder com 67.



Na próxima quarta-feira (20), às 16h, o Rubro-Negro encara o Guarani, no Brinco de Ouro, pela 36ª rodada. O time baiano não vence há seis partidas, são três derrotas e três empates.



O JOGO

Antes mesmo da bola rolar, o Vitória ganhou um problema de última hora. O atacante Vico apresentou uma infecção viral e foi afastado por recomendação do departamento médico. Leocovick foi escalado na lateral esquerda e Rafael Carioca foi deslocado para formar o trio de ataque ao lado de Thiago Lopes e Léo Ceará.



Com a bola rolando e precisando do resultado para não permanecer na zona de rebaixamento, o Leão começou dominando a partida. O primeiro a arriscar foi justamente o artilheiro do time baiano, Leó Ceará que bateu da intermediária e a bola passou do lado da trave de João Ricardo aos três minutos. Depois, quem também experimentou de longe foi Thiago Lopes aos 10. O camisa 29 soltou uma bomba que o goleiro da equipe catarinense espalmou para fora.



A Chape respondeu aos 13. Matheus recebeu pela direita e descolou o cruzamento, mas Van cortou com o peito mandando para escanteio. Dois minutos depois, Rafael Carioca recebeu na esquerda driblou o marcador e cruzou para Léo Ceará, mas a zaga catarinense afastou o perigo.



Aos 20, o meia Thiago Lopes soltou outra bomba de fora da área, que passou pelo lado esquerdo da trave de João Ricardo.



Após a parada para a hidratação dos atletas, o jogo recomeçou morno. Nenhuma das duas equipes conseguiu encaixar um bom ataque. Porém, aos 34 minutos, o lateral Van errou na saída de bola e acabou sendo desarmado por Paulinho Moccelin. Na disputa pela redonda, o atacante da Chape acabou levando a melhor e tocou atrás para Anselmo Ramon, que soltou a bomba da entrada da área e ela passou cima da meta de César.



Anselmo Ramon perdeu boa chance para os visitantes aos 40 minutos. No cruzamento rasteiro vindo pela esquerda, o centroavante apareceu sozinho da área, mas finalizou mal mandando a bola bem por cima da trave de César. Cinco minutos depois, o goleiro rubro-negro fez boa defesa no chute do meio da rua de Anselmo Ramon. O Vitória respondeu logo em seguida, aos 46. Jogada de Rafael Carioca que toca para Leocovick livre próximo à linha de fundo, mas o cruzamento é bloqueado pela defesa catarinense. Na cobrança de escanteio de Rafael Carioca, João Victor ganha pelo alto, mas cabeceia para fora.


Segundo tempo

Os dois times voltaram dos vestiários com as mesmas formações. Mas com quatro minutos da segunda etapa, Léo Ceará deixou o gramado com dores na costas por uma disputa de bola com Paulinho Moccelin ainda no primeiro tempo. Samuel entrou no seu lugar.



O goleiro César fez duas grandes defesas aos oito minutos e evitou que os visitantes abrissem o placar. Primeiro ele espalmou na cabeçada a queima roupa Aylon. Em seguida, Anselmo Ramon pegou o rebote e finalizou, mas o camisa 13 do Rubro-Negro tirou com o pé.



Rodrigo Chagas foi obrigado a fazer duas substituições por problemas físicos aos 10 minutos. Van deu lugar para Léo Morais, enquanto Alisson Farias entrou na vaga de Thiago Lopes.



Na base da troca de passes, o Leão chegou com perigo na defesa dos visitantes aos 16. Léo Morais recebeu na direita e cruzou para a área, Lucas Cândido cabeceou e ela foi para fora.



Aos 35 minutos, Wallace fez um desarme providencial em cima de Anselmo Ramon. O atacante foi lançado, mas na hora de finalizar de cara com César, o zagueiro rubro-negro deu um toque na bola e impediu que o placar fosse aberto. O Leão respondeu dois minutos depois. Marcelinho cobrou a falta direto para o gol e João Ricardo desviou com os dedos.



Aos 43, o zagueiro Derlan recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso, deixando a Chape com um jogador a menos. Porém, Matheus Frizzo se machucou e ficou no gramado no sacrifício, já que Rodrigo Chagas já havia feito as cinco substituições.





FICHA TÉCNICA
Vitória 0x0 Chapecoense
Série B – 35ª rodada
Local: Barradão, em Salvador
Data: 17/01/2021 (domingo)
Horário: 16h
Árbitro: Vinícius Furlan (SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Evandro de Melo Lima (SP)

Cartões amarelos: Thiago Lopes (Vitória) / Paulinho Moccelin, Derlan, duas vezes (Chapecoense)

Cartão vermelho: Derlan (Chapecoense) 



Vitória: César; Van (Léo Morais), Wallace, João Victor e Leocovick; Matheus Frizzo, Lucas Cândido (Eduardo) e Fernando Neto; Thiago Lopes (Alisson Farias), Rafael Carioca (Marcelinho) e Léo Ceará (Samuel). Técnico: Rodrigo Chagas.



Chapecoense: João Ricardo; Matheus, Felipe Santana, Derlan e Roberto (Rafael Santos); Willian Oliveira, Ronei (Lucas Tocantins) e Denner (Alan Santos); Aylon (Foguinho), Anselmo Ramon e Paulinho Mocellin (Bruno Silva). Técnico: Felipe Endres.
Compartilhe no Google Plus

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!