Covid: Com hospitais Lotados, Dobra o Número De Mortes Em Casa Em Manaus




MANAUS, AM (FOLHAPRESS) - A escalada de novos casos da Covid-19 em Manaus fez crescer o número de pessoas que morreram em casa, muitas delas sem assistência médica.



Em dezembro foram pelo menos 213 óbitos em domicílio, o que inclui casos de Covid-19 e de outras doenças. Os dados são da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana e Serviços Públicos, que administra os cemitérios da cidade.
As mortes são direta e indiretamente ligadas à pandemia, segundo a FVS-AM (Fundação de Vigilância Sanitária do Amazonas). Inclui tanto as pessoas que morreram por Covid-19 quanto as pessoas que morreram por outras doenças por não terem conseguido atendimento hospitalar.

A capital do Amazonas está com a rede privada de saúde saturada, com ocupação de 94% dos leitos para Covid-19, e filas de pacientes aguardando vagas em leitos de UTI nos hospitais da rede pública, que registrou ocupação de 92% nesta segunda-feira (5). Sete dos 11 hospitais particulares da capital anunciaram que chegaram à lotação máxima.

Os registros diários de mortes em casa começaram a aumentar depois do Natal. Nos três primeiros dias contabilizados de 2021 (2 a 4 de janeiro) foram 33 mortes em domicílio, média de 11 por dia, quase o dobro da média diária do mês de dezembro, que já tinha registrado aumento em relação a novembro.

No pico da pandemia no Amazonas, em maio de 2020, foram registradas 401 mortes em domicílio, média de 13 por dia, segundo a Prefeitura de Manaus.

Para a presidente da FVS-AM, Rosemary Pinto, o aumento do número de mortes em domicílio se atribui também ao fato de muitas pessoas deixarem de procurar os hospitais por conta da superlotação e do medo de contrair o novo coronavírus.

"Houve um aumento de sepultamentos de pessoas que faleceram em casa e de portadores de doenças crônicas que estão com receio de buscar a rede de saúde por causa do atendimento de Covid-19. É importante que quem tem doença crônica, como hipertensão, diabetes, cardiopatia ou algum tipo de câncer, não pare seu tratamento nem o acompanhamento médico", alertou Rosemary.
Compartilhe no Google Plus

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!