Com 50 Mil Mortes Por Ano No País, Poluição Do Ar Tem Impacto Bilionário, Aponta Estudo




A poluição do ar mata mais de 50 mil pessoas por ano no Brasil, tem impacto bilionário entre perda de produtividade e custos do sistema público de saúde e altera o regime de chuvas.



É o que diz uma revisão de estudos sobre a qualidade do ar no país lançada nesta quinta (28), sob coordenação da WRI (World Resources Institute) Brasil e feita por 14 pesquisadores, entre eles cientistas conhecidos como o físico Paulo Artaxo e a médica Evangelina Vormittag.

Segundo os autores, a regulação da poluição atmosférica no Brasil é frágil, porque parte da base normativa do Pronar (Programa Nacional de Controle de Qualidade do Ar) é infralegal, em resoluções do Conama (Conselho Nacional do Meio Ambiente), e há risco de retrocesso.

O estudo diz que a política não é implementada, tem fragilidades jurídicas e não tem cronograma claro de redução de poluentes.

Os autores afirmam que os padrões exigidos pelo Conama não são atendidos na maioria das grandes cidades do Brasil, que não são punidas por isso.

A revisão parte de um relatório da Opas (Organização Pan-Americana da Saúde) de 2018, que calcula que a poluição do ar seja responsável por 51 mil mortes por ano no Brasil.

Um estudo do Instituto Saúde e Sustentabilidade do mesmo ano estimou que, entre 2018 e 2025, haja 128 mil mortes precoces só em seis regiões metropolitanas do país (onde vivem 23% da população brasileira). Essas mortes podem ter um custo de R$ 51,5 bilhões em perda de produtividade. Além disso, haverá 69,4 mil internações no sistema público, que custarão R$ 126,9 milhões.

A análisa da WRI também mostra um levantamento da OMS (Organização Mundial da Saúde) estima que mais de 90% da população mundial não respira ar de qualidade aceitável, o que gera 7 milhões de mortes por ano -600 mil de crianças-, números 15 vezes maiores que o total de mortes causadas por guerras e outras formas de violência, afirma o estudo.
Compartilhe no Google Plus

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!