Anvisa aprova por unanimidade as vacinas Coronavac e Oxford



A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso emergencial das vacinas de Oxford e do laboratório Sinovac (Coronavac) no Brasil. São as duas primeiras vacinas contra a Covid-19 com autorização para uso no País. A aprovação, por maioria simples, foi confirmada após voto do diretor Alex Campos - o terceiro a votar - durante reunião neste domingo (17). Conforme a Anvisa, a autorização começa a valer a partir do momento que o laboratório receber comunicado em ofício e houver publicação do resultado no portal da Agência. Antes da votação da diretoria, foi favorável o parecer da diretora da Anvisa e relatora dos pedidos de uso emergencial, Meiruze Freitas, e a recomendação das três áreas técnicas que analisavam os pedidos da Fiocruz e do Instituto Butantan: gerência-geral de Medicamentos, área de certificação de Boas Práticas de Fabricação e área de Monitoramento de Eventos Adversos. As duas vacinas tiveram pedido de uso emergencial feito no último dia 8 de dezembro, pelo laboratório Sinovac/Instituto Butantan (Coronavac) e pela Fiocruz (Astrazeneca/Universidade de Oxford).
Pinterest

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Site Tribuna conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Site Tribuna um site de credibilidade!