Bahia vive ‘sem dúvidas’ segunda onda de contaminações da Covid-19, diz secretário




Com números crescentes de casos ativos e aumento da taxa de ocupação dos leitos de terapia intensiva, a Bahia vive uma segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus. Esta é a avaliação do secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas, procurado pelo Bahia Notícias para comentar os números publicados pela pasta estadual da Saúde nesta quarta-feira (2).




O secretário afirmou não ter dúvidas de que a Bahia já enfrenta uma segunda onda e que o governo do estado está tomando novas providências para conter o avanço da doença em território baiano: reforçar a mensagem de que pandemia não acabou e que precisamos manter medidas de prevenção; ampliar a testagem RT-PCR em todos os municípios; manter a proibição de eventos, incluindo festas de réveillon; e ampliar a oferta de leitos de UTI.




Os números apontam para o retorno da Bahia para o auge da pandemia. Nesta quarta, o estado alcançou a marca de 11.771 casos ativos da Covid-19, o maior número desde 29 de agosto, e 71% de ocupação dos leitos de UTI reservados para o tratamento da doença, percentual mais alto desde 3 de agosto.
Compartilhe no Google Plus

Sobre SITE TRIBUNA

Informação: esse é o compromisso de todos os dias do Site Tribuna. Um site de credibilidade que tem o orgulho de proporcionar diariamente aos seus leitores informação com ética, qualidade e independência editorial. Atualmente, o Tribuna de Ibicaraí conta com uma equipe que produzem análises consolidadas, apuração com profundidade, contextualização da notícia e abordagem dos fatos como eles realmente acontecem. Essas são as qualidades que fazem do Tribuna de Ibicaraí um site de credibilidade!